Como escolher a melhor prancha de surf

Família Hero Frisbee - Como escolher a melhor prancha de surf

A quantidade de fatores que influenciam o surf é tão ampla que muitas dúvidas podem surgir na hora de escolher uma prancha de surf. Na internet, há muita informação disponível, mas muitas vezes é difícil confiar no que é dito. Para te passar um pouquinho mais de segurança sobre tudo o que você verá por aqui, vale mencionar as pessoas que estão por trás desse material:

Avelino Bastos: shaper profissional, fundador da Tropical Brasil, uma das maiores fábricas de pranchas de surf do Brasil, responsável pelas pranchas de muitos surfistas de destaque.

Teco Padaratz: surfista brasileiro, bicampeão mundial do World Men’s Qualifying Series e atual presidente da Confederação Brasileira de Surf.

Esperamos que com esse conteúdo nós possamos simplificar a sua vida e te ajudar a escolher a prancha ou o quiver ideal. 

Caso você esteja começando, deixaremos abaixo o significado de alguns termos que iremos utilizar ao longo do conteúdo, e se precisar consultar, é só voltar aqui. Confira!

Mini Glossário

  • Flat – Quando o mar não tem ondas, está liso;
  • Quiver – conjunto de pranchas de um surfista;
  • Shaper – É o designer que projeta as pranchas de surf;
  • Crowd – quando há muita gente surfando em uma mesma área;
  • Pés e polegadas: unidades de medida das pranchas;
  • 1 pé = 30,48 cm = 12 polegadas;
  • 1 polegada = 2,54 cm, ou seja, uma prancha de 6’0’’ tem 6 pés e 0 polegadas, que se equivale a 1,82m.

Tipos de Pranchas

Quem está começando no surf, precisa se preocupar com a flutuação e a estabilidade que a prancha oferece. Existem três principais tipos de pranchas indicadas para iniciantes, pensando nessas características:

  1. Softboard: as softboards são as pranchas ideais para quem está começando, por ser uma prancha com bastante flutuação, ela gera muita estabilidade, facilita a remada e a entrada em ondas, pontos de extrema importância para a sua evolução no esporte. Seus tamanhos variam entre 5”, 6”, 7” e 8”. Além disso, é uma prancha mais macia, que proporciona mais segurança durante a prática da atividade, amortecendo impactos, e facilitando o transporte e armazenamento do equipamento, além da durabilidade muito maior que as pranchas tradicionais rígidas. Essa prancha é indicada para todas as idades.

As pranchas Hero são ótimas opções de softboards. Dá uma olhada nos principais diferenciais dela: 

  • Leveza: a engenharia e tecnologia aplicadas no desenvolvimento da Hero resultaram em uma prancha composta por uma série de materiais diferenciados que fazem dela confortável para carregar, mas ao mesmo tempo resistente e durável.
  •  Variedade de tamanhos: hoje a Hero possui quatro opções de tamanhos (5’0, 6’0, 7’0 e 8’0), que possibilitam desde o uso infantil até o adulto. 
  • Mais flutuação: os materiais que compõem a Hero flutuam melhor na água, e devido ao seu formato soft, ela é mais flexível para se moldar as curvas das ondas. 
  • Usabilidade: a Hero tem o melhor custo-benefício do mercado. Apesar de ser excelente para iniciantes, você pode utilizá-la por um bom tempo após adquirir experiência.

2. Funboard: são um pouco maiores, proporcionam menos velocidade e manobras menos potentes. A vantagem dessas pranchas está na sua estabilidade e a facilidade que dá para entrar nas ondas. O tamanho varia entre 7’’ a 8”.

3. Longboard (ou pranchão): essas são pranchas extremamente estáveis e com boa flutuação, já que são maiores e mais largas. Elas tornam fácil a entrada nas ondas, com tamanho a partir dos 9’.

Dentro de cada um desses tipos, existem subdivisões. Mas, vamos abordar melhor esses detalhes em um próximo conteúdo!

Como Escolher

O volume é mais importante do que o tamanho!

A prancha ideal será aquela que irá suportar o seu peso e ainda facilitar a sua vida dentro do mar.

Sempre escolha uma prancha que suporte um peso maior que o seu, pois isso proporciona uma maior segurança e estabilidade quando você estiver remando para pegar as suas primeiras ondas.

Ah, é importante que você saiba que a flutuação da prancha é medida em litros, então, quanto maior a litragem da prancha, maior será a estabilidade dela, já que o volume é uma espécie de resumo entre o tamanho, largura e espessura da prancha, é que vai determinar a flutuação da mesma.

Veja abaixo uma tabela que pode servir de referência para você saber qual a litragem certa da sua prancha:

 tabela que pode servir de referência para você saber qual a litragem certa da sua prancha

E conforme eu for ficando experiente?

A usabilidade das pranchas que citamos, permite que você siga utilizando-as após ficar mais experiente no surf, e manter ela no seu quiver para os dias que o mar estiver mais flat.

Ou quem sabe até fazer como o surfista profissional Jamie O’brien, que foi visto surfando tubos insanos com Softboards em Pipeline.

Aqui na Tropical Brasil, nós desenvolvemos uma linha especialmente para quem deseja iniciar no surf e ir avançando gradativamente, gastando pouco e tendo um excelente custo-benefício: a HERO Softboard, que já demos uma palinha sobre ela lá em cima.

Clique no botão abaixo e saiba mais!

Trouxemos também o Teco Padaratz para falar com você sobre o processo de desenvolvimento da Hero Softboard e quais as vantagens dela. Dá um confere:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *